BOAS VINDAS

A idéia deste blog é a criação de um espaço para o questionamento de duas grandes forças das ideologias atuais: o Capitalismo e o Socialismo. Que, senão são coincidentes,não são também totalmente opostas. Terceira Via é nada menos do que uma Resultante dessas duas forças. Abrindo assim, um campo para o existência de uma opção, que não é uma coisa nem outra e ao mesmo tempo são as duas coisas. Eu acredito muito nessa vertente, como alternativa para convergir anseios de ambas as correntes. Num olhar metodológico, poderiamos enxergar essa possibilidade como uma demonstração empírica da dialética. Enquanto o Capitalismo está mais associado ao racional, à eficiência, à lógica; o Socialismo está mais associado ao nosso cognitivo, à sensibilidade, sentimentos, percepções, etc. Acredito ainda, que só a Democracia viabiliza essa vertente. A Ditadura, sem dúvida, enviesará para o socialismo ou para o capitalismo radical. ENTÃO SEJA BEM VINDO, COLOCANDO SUA CONTRIBUIÇÕES, SUAS IDÉIAS, SUAS DÚVIDAS, ETC. (Paulo Franco)

domingo, 11 de março de 2018

Ferramentas do século XXI para combater escravidão no século XXI

Por Leonardo Sakamoto


Em palestra na TED talks, Leonardo Sakamoto fala sobre o uso de ferramentas modernas para combater a escravidão moderna.  Não se combate a escravidão moderna, no século XXI, com ferramentas e metodologias de séculos passados.

Leonardo Sakamoto é um gladiador na luta contra o trabalho escravo do mundo moderno. A International Labour Organization estima que 21 milhões de pessoas sejam escravos do mundo moderno em todo o mundo, gerando US$ 150 bilhões por ano em lucros ilícitos. Nesta forte e esperançosa palestra, Sakamoto compartilha ferramentas do século 21 para combater o flagelo do século 21 que, longe de ser algo do passado, continua a crescer. 
Jornalista, doutor em ciência política e professor de jornalismo na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, Sakamoto é conselheiro do Fundo das Nações Unidas para a Luta contra as Formas Contemporâneas de Escravidão. Também é fundador da Repórter Brasil, ONG que identifica que torna públicos as violações de direitos humanos e o trabalho escravo.



Nenhum comentário:

Postar um comentário