BOAS VINDAS

A idéia deste blog é a criação de um espaço para o questionamento de duas grandes forças das ideologias atuais: o Capitalismo e o Socialismo. Que, senão são coincidentes,não são também totalmente opostas. Terceira Via é nada menos do que uma Resultante dessas duas forças. Abrindo assim, um campo para o existência de uma opção, que não é uma coisa nem outra e ao mesmo tempo são as duas coisas. Eu acredito muito nessa vertente, como alternativa para convergir anseios de ambas as correntes. Num olhar metodológico, poderiamos enxergar essa possibilidade como uma demonstração empírica da dialética. Enquanto o Capitalismo está mais associado ao racional, à eficiência, à lógica; o Socialismo está mais associado ao nosso cognitivo, à sensibilidade, sentimentos, percepções, etc. Acredito ainda, que só a Democracia viabiliza essa vertente. A Ditadura, sem dúvida, enviesará para o socialismo ou para o capitalismo radical. ENTÃO SEJA BEM VINDO, COLOCANDO SUA CONTRIBUIÇÕES, SUAS IDÉIAS, SUAS DÚVIDAS, ETC. (Paulo Franco)

domingo, 14 de julho de 2013

BIG BROTHER: somos todos participantes involuntários

por Paulo Franco


O BBB da empresa holandesa Endemol, transmitida no Brasil pela Globo nada mais é do que uma amostra marginal do que é o verdadeiro BIG BROTHER, profetizado por George Orwel, em seu livro 1984. Todos acabariamos, em função dos avanços tecnlógicos, sendo vigiados, controlados. Alguns acham que Orwell errou somente em prever que a violação da privacidade se daria por um estado "totalitário" e não por um país democrático, reconhecido como uma "pátria da liberdade" como os EUA.  Pois eu não tenho a menor dúvida que nem aí, Orwell errou. Ao contrário do que imagina a maioria das pessoas, os EUA é uma democracia "pra lá de relativa". 

A política americana é dominada por 2 partidos, um de direita e outro de extrema direita, e o controle de todo o processo político, bem como de toda a política internacional americana são das grandes empresas, principalmente aquelas ligadas à industria do Petróleo, Armas, Finanças entre outras. Provavelmente as 100 famílias mais ricas do EUA detém mais de 50% de toda a riqueza do planeta. Se dissecar a política americana e a conduta com os direitos universais, basicos, quando entra em choque com o poder central será possível perceber o qual totalitário é o poder estatal.  Isso está muito longe de ser uma legítima democracia que represente a sociedade americana.



Esse novo mundo de disputa de poder geopolítico, tem como campo de batalha o ciberespaço, como fator estratégico a tecnologia da informação, como poder dominante os EUA e como lider revolucionário dos rebeldes Julian Assange, do Wikileaks, que conta já com alguns "guerrilheiros cibernéticos", uns na clandestinidade, outros presos e outros em terrenos "neutros" protegidos por estados não aliados, mas todos na mira do GRANDE IRMÃO (BIG-BROTHER): os EUA.

No Brasil, as espionagem da CIA, FBI, DEA e a NSA já vem ocorrendo há muito e muito tempo.  Geneton Moraes Neto, da GloboNews revelou que, atraves de documentos vazados, foram identificados documentos de espiões americanos, informando que um anos antes do golpe de 64 a direita conservadora no Brasil já planejavam a ação.   

Aliás o reporter Bob Fernandes, atual comentarista da TVGazeta, tendo trabalhado anteriormente para a Veja, a IstoÉ, a Folha de SP, JB e GNT/TV Cultura, além de ter sido redator-chefe de CartaCapital, fez inúmeras denúncias por diversas matérias na revista CartaCapiutal.   Todas elas tiveram vistas grossas de todas as autoridades do país, tanto do legislativo, do executivo, quanto do ministério público.   Veja o vídeo onde ele fala a respeito do assunto, com muita propriedade.  A matéria publicada pode ser vista acessando o Terramagazine.







Ignácio Ramonet, jornalista e sociólogo respeitado, especialista em semiotica, neste brilhante artigo "Somos todos vigiados", nos trás sua visão a respeito da revolução que estamos vivendo.  "...O presidente Barack Obama esta abusando de seu poder e diminuindo a liberdade de todos os cidadãos do mundo. “Eu não quero viver numa sociedade que permite este tipo de ação”, protestou Edward Snowden, quando decidiu fazer suas impactantes revelações.

Divulgou os fatos, e não por acaso, exatamente quando começou o julgamento do soldado Bradley Manning, acusado de vazar segredos Wikileaks, organização internacional que divulga informações secretas de fontes anônimas. Enquanto isso, o ciber-ativista Julian Assange está refugiado há um ano na Embaixada do Equador em Londres… Snowden, Manning e Assange, são defensores da liberdade de expressão, lutam em favor da democracia e dos interesses de todos os cidadãos do planeta. Hoje são assediados e perseguidos pelo “Grande Irmão” norte-americano...."
Veja a integra do artigo acessando o blog "Outras Palavras".

Nenhum comentário:

Postar um comentário