BOAS VINDAS

A idéia deste blog é a criação de um espaço para o questionamento de duas grandes forças das ideologias atuais: o Capitalismo e o Socialismo. Que, senão são coincidentes,não são também totalmente opostas. Terceira Via é nada menos do que uma Resultante dessas duas forças. Abrindo assim, um campo para o existência de uma opção, que não é uma coisa nem outra e ao mesmo tempo são as duas coisas. Eu acredito muito nessa vertente, como alternativa para convergir anseios de ambas as correntes. Num olhar metodológico, poderiamos enxergar essa possibilidade como uma demonstração empírica da dialética. Enquanto o Capitalismo está mais associado ao racional, à eficiência, à lógica; o Socialismo está mais associado ao nosso cognitivo, à sensibilidade, sentimentos, percepções, etc. Acredito ainda, que só a Democracia viabiliza essa vertente. A Ditadura, sem dúvida, enviesará para o socialismo ou para o capitalismo radical. ENTÃO SEJA BEM VINDO, COLOCANDO SUA CONTRIBUIÇÕES, SUAS IDÉIAS, SUAS DÚVIDAS, ETC. (Paulo Franco)

terça-feira, 2 de maio de 2017

Zé Dirceu é preso comum ou preso político?

Por Paulo Franco




Que já vivemos um estade de exceção, ninguém duvida.  Eivdências empíricas há em grande fartura. Rapidamente podemos citar alguns poucos casos que jamais ocorreriam num estado democrático de direito.

Vamos citar alguns casos, para ilustrar: 
  • A manutenção de praticamente só petistas presos; 
  • O impedimento de Lula assumir um Ministério, num momento tão delicado do país; 
  • A participação omissa do STF no julgamento do Impeachment pelo Senado; 
  • A ameaça de impeachment por diversas formas através da Justiça eleitoral ou pelo STF; 
  • A omissão do STF e do MPF na confissão dos golpistas na obstrução de justiça, especificamente a operação Lavajato; 
  • A permissão da posse dos Ministros que confessaram, em audio, a obstrução da Lava Jato. 
  • A interceptação ilegal e a divulgação também ilegal da conversa telefônica entre Dilma e Lula; 
  • A condução coercitiva ilegal de Lula;   
  • A prisão intempestiva e ilegal do ex-ministro Mântega; 
  • A perseguição incansável e insana do MPF e do Juiz Moro contra Lula, com o claro objetivo de eliminá-lo da disputa eleitoral de 2018;
  • Muitos outros casos de abuso de autoridade, de discricionariedade, de desrespeito à lei e a Constituição. 
Semana Passada o STF libertou dois condenados em primeira instância e sem julgamento em segunda instância, o que pela lei não poderiam continuar presos: o ex-tesoureiro do PP José Cláudio Genu e o
empresário pecuarista João Carlos Bumlai.

Nâo diferentemente, os advogados de Zé Dirceu entraram com a mesma demanda, junto ao STF. 

Como Petista e grande lider do partido, Zé Dirceu, obviamente teria que receber um tratamento "excepcional" da "Justiça".

O STF adiou a decisão, submenteu ao MPF (ora MPF é quem quer Zé na Cadeia pela eternidade, se possível). O relator Fachin já deixou claro que seu voto é contra a libertação de ZD.

Rapidamente, o MPF (Deltan Dellagnol) já providenciou uma outra denúncia, para que o Juiz Moro sentencie e decrete sua prisão, tornando sem efeito prático, a possível libertação pelo STF.  

Ninguém está acima da lei, repete sempre o Procurador Dellagnol e o Juiz Moro, como um mantra.  Resta saber se a palavra "ninguém" dita por eles, não se refere a todos, menos aos amigos, aos parceiros e a eles próprios. Será que os dois que foram soltos pelo STF não estariam, então, acima da lei?

Se, diante disso tudo, Zé Dirceu continuar preso, a justiça, e principalmente, o MPF e o STF estará mandando um recado à sociedade, de que estamos num regime de exceção, numa ditadura  e que José Dirceu é sim, um preso político e não um preso comum. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário